terça-feira, março 20, 2007

Serra d'Arga

Ia eu a atravessar a ponte de Lanheses no sentido sul-norte, quando me deparei com a majestuosidade da Serra d'Arga. Numa manobra um pouco arriscada e até desviada daquilo que é a lei do código da estrada, não resisti a tirar-lhe uma fotografia com o meu telemóvel.

A Serra d'Arga tem 825 metros de altitude (no Alto do Espinheiro). Situa-se no Alto Minho e pertence ao sistema montanhoso da Peneda-Gerês. É de origem granítica.

Do outro lado da serra, acumulavam-se várias núvens gordas, que se esforçavam por ultrapassar aquele enorme obstáculo.

As "Chuvas Orográficas", também chamadas de "Chuvas de Relevo", têm origem no seguinte fenómeno: o ar, enquanto se desloca, é forçado a subir devido a uma grande elevação (por exemplo uma montanha ou uma serra); enquanto vai subindo pela elevação, vai arrefecendo (porque, conforme a altitude aumenta, a temperatura diminui); se continuar a subir, vai-se formar condensação e, se continuar a subir e a arrefecer mais, passa da condensação para a precipitação.

Acerca da Serra d'Arga, reza também o Fado de Coimbra:

Abaixa-té ó Serra d'Arga
Abaixa mais um nadinha
Quero ver o meu amor
Lá no terreiro, em Caminha

Sem comentários:

Festival Eurovisão da Canção 2018

Como é tradição, aqui vai a minha apreciação do Festival da Eurovisão deste ano. E o vencedor é... ...novamente Salvador Sobral! Sim. ...